Arautos d'El-Rei | No 1200º Aniversário: Carlos Magno sob a luz dourada da História e da Lenda
692
post-template-default,single,single-post,postid-692,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,vss_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
Busto-relicário de Carlos Magno

No 1200º Aniversário: Carlos Magno sob a luz dourada da História e da Lenda

Em 28 de Janeiro de 2014, a Cristandade comemorou 1200 anos do falecimento do imperador Carlos Magno (*748–†814).
Na sua pessoa o Papa instituiu o Sacro Império Romano-Germânico, obra prima da ordem social e política cristã, hoje infelizmente posta de lado.
Eventos culturais do mais alto nível estão a realizar-se em toda a Europa para comemorar a data.

Busto-relicário de Carlos Magno, vendo-se em segundo plano a Catedral de Aachen (Alemanha), capital de seu Império.

O Museu Nacional da Suíça, por exemplo, consagra-lhe uma exposição especial reunindo objectos prestigiosos, verdadeiras relíquias, emprestados por numerosos museus e instituições suíças e estrangeiras.
É difícil, reconhecem os organizadores, montar o quadro completo dos imensos progressos que trouxe para a Civilização Cristã o grande Imperador da Europa, venerado em certas dioceses como Beato.
No domínios da educação, da arte, da arquitetura e da religião não houve como ele.
Há salas temáticas consagradas à personalidade do grande Carlos e aos seus colaboradores mais próximos, bem como ao seu Império, aos conventos, igrejas e palácios que mandou construir e retratam de modo vivo a sua época de influência pessoal, decorrida entre os anos 740 e 900.
Outro tema muito vasto é o culto devotado a Carlos Magno pela Igreja Católica.
E ainda outro é a extraordinária produção de lendas que após a sua morte o povo foi criando em torno da sua magnífica e riquíssima personalidade e nas quais bem se nota a teoria do rei perfeito, imaginada pelo espírito popular.
O Carlos Magno da lenda, com efeito, foi elaborado pela câmara escura da mente popular e teve uma enorme influência na História pela forma como trabalhou as zonas mais profundas do subconsciente humano, construindo a ideia do monarca ideal e influenciando fortemente o conceito de Monarquia na Civilização Cristã.

Leia mais em HERÓIS MEDIEVAIS



Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close