Arautos d'El-Rei | Como a “democracia” vai preparando a ditadura…
852
post-template-default,single,single-post,postid-852,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,vss_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.5,vc_responsive

Como a “democracia” vai preparando a ditadura…

Ditadura fiscal em plena “democracia”!

Penas mais suaves para as pessoas que não pagam impostos do que para as que cometem crimes de sangue.
Em entrevista ao advogado e fiscalista Tiago Caiado Guerreiro, o semanário “Sol” revelou alguns “exageros” que comprometem os conceitos de liberdade e justiça desta falsa democracia, “rumo ao Socialismo”, conforme proclama a actual Constituição republicana.

— “O sistema fiscal é excessivamente intrusivo em relação aos cidadãos?” — foi uma das perguntas do semanário. Veja-se a resposta de Caiado Guerreiro:
— “Já passou a fase do intrusivo para a de violação de conceitos fundamentais como o direito à privacidade. […] Trata-se com mais violência contribuintes que não pagam impostos do que pessoas que cometem crimes de sangue. Não podemos transformar todos os portugueses em criminosos e instaurar milhares de processos-crime por ano. […] Em Portugal somos vistos não como cidadãos mas como máquinas de produzir receita fiscal, em que o único interesse é gerar dinheiro para o Estado.” (“Sol”, 31-7-2015).

 

NR: Os destaques gráficos são da responsabilidade da nossa Redacção.



Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close