Arautos d'El-Rei | Incêndios ou terrorismo instalado?…
1404
post-template-default,single,single-post,postid-1404,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,vss_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Incêndios ou terrorismo instalado?…

“O Inferno de Dante”? Não, apenas o Pinhal de Leiria a arder…

 

[…] Quem faz negócio não é estúpido ao ponto de querer acabar com o mesmo. Ora ao ritmo de destruição a que se chegou, não vai haver nada para arder em breve. Aí deixaria de haver negócio…

É muito possível, pois, que estejamos perante actos de terrorismo selectivo e pensado. O modo como tudo acontece indicia claramente que as coisas se passam seguindo um planeamento pensado por um verdadeiro estado-maior

Tem que se passar a olhar para isto com olhos de ver e, agora, em vez de irem dar dinheiro a ganhar às empresas especializadas em combate aéreo florestal, devem ir colocar todos os heli-canhões ainda existentes no inventário (enquanto não se arranjam “drones” equipados para o efeito) dotá-los com instrumentos de visão nocturna e abater “in situ” quem for apanhado a atear fogos!(2)

É ainda necessário “surrar” os apanhados com a “boca na botija” para eles “cantarem” as razões por que fazem estas filantrópicas acções. E, já agora “defenestrar” qualquer juiz que solte energúmenos deste jaez, alguns deles relapsos e contumazes, mesmo que se escudem na latitude que a lei supostamente lhes confere…

Isto está fora de controlo e em queda livre

De facto o problema não está, nem estava, na demissão da ministra. O problema está na nomeação da ministra…

O que nos leva a tudo o que está a montante disso. O que fatalmente nos levaria a interrogar a organização do Estado e o sistema político em vigor.

Mas essa já é outra discussão.

Façam o favor de ter cuidado por onde andam.

João José Brandão Ferreira
Oficial Piloto Aviador

[Excertos do artigo publicado pelo autor em 19 de Outubro de 2017]