Arautos d'El-Rei | NÃO aos partidos políticos
885
post-template-default,single,single-post,postid-885,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,vss_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

NÃO aos partidos políticos

«Que desapareçam os partidos políticos. Nunca ninguém nasceu membro de um partido político, no entanto todos nascemos membros de uma família, somos todos vizinhos num município, esforçamo-nos todos no exercício de um trabalho. Pois se essas são as nossas unidades naturais, se a família, o município e a corporação são o que verdadeiramente vivemos, para que necessitamos do instrumento intermédio e pernicioso dos partidos políticos que, para unir-nos em grupos artificiais, começam por desunir-nos nas nossas realidades autênticas?»

José António Primo de Rivera