Arautos d'El-Rei | “Ministra do Aborto”
616
post-template-default,single,single-post,postid-616,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,vss_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
Eleonora Menicucci

“Ministra do Aborto”

Mais uma revolucionária marxista para o Governo de Dilma Roussef

A ex-guerrilheira Dilma Roussef, actual Presidente da República Federativa do Brasil, integrou recentemente no seu Governo mais uma “camarada” da luta “anti-fascista”. Trata-se de Eleonora Menicucci, que passou a ocupar o Ministério da Secretaria de Políticas para as Mulheres.

Com um passado ligado ao Partido Operário Comunista e às suas actividades terroristas, Menicucci (foto) como boa revolucionária que é — destaca-se também pelas suas ideias a favor do aborto e da homossexualidade. Ela própria declarou ter feito dois abortos e ter sido “aborteira”, usando e promovendo o sistema de “aspiração manual intra-uterina”, um sinistro método “caseiro” que retira o feto por sucção
Em entrevista publicada por Reinaldo Azevedo no blog da Revista Veja, Eleonora Menicucci revelou igualmente que no seu passado teve relações extra-conjugais com homens e mulheres!
Quando a gente lê várias declarações dessa nova ministra, ela está no lugar e na época errada, devia estar em Sodoma e Gomorra”, comentou o Deputado carioca Eduardo Cunha.